05/11/2019 - Frente de Servidores Públicos revela falta de transparência no pacote do governo e chama para ato unificado dia 14 de novembro

 

A Frente de Servidores Públicos realizou nesta sexta-feira, 01, coletiva de imprensa na sede do Cpers Sindicato, para denunciar a falta de transparência nos números previdenciários, apresentados no pacote do governo do Estado. O Afocefe Sindicato esteve representado pelo presidente, Guilherme Campos e pelo diretor, Alexandre Luzzi.
O auditor público externo do Tribunal de Contas do Estado e secretário geral da União Gaúcha em Defesa da Previdência Social e Pública, Filipe Leiria, que foi um dos palestrantes do seminário sobre a Reforma da Previdência promovido pelo Afocefe, afirmou que o governo já dispõe de simulações do impacto da reforma, mas não submete os dados ao conselho do IPE-Prev. ‘’O Executivo fala em diálogo, mas nos seus próprios termos. É um diálogo com assimetria de informações, que não são submetidas à sociedade e nós temos que acreditar”, afirmou.
Leiria participou de reunião com os secretários da Casa Civil e da Fazenda na noite de quinta-feira, convocada pelo governo após o envio de parecer da União gaúcha apontando erros na base de cálculo do déficit. ‘’Disponibilizamos os nossos números e esperamos que o governo faça o mesmo”, afirmou Leiria. Entre os questionamentos consta a superestimação do déficit atuarial, calculado com base em normas defasadas e diversas omissões.
Os representantes do funcionalismo criticaram a política de arrocho que recai sobre os mais baixos salários do Estado. “Sem medo de errar, posso afirmar que o que o governo está fazendo é um confisco no salário dos aposentados”, falou a presidente do Cpers, Helenir Aguiar Schürer, referindo-se à cobrança de alíquotas previdenciárias sobre inativos que ganham acima de um salário mínimo.
A Frente de Servidores Públicos definiu ainda ações para o ato unificado do dia 14 de novembro. As entidades e centrais sindicais convocarão assembleias durante a manhã em diferentes pontos de concentração. Às 13h30, o funcionalismo gaúcho se encontra no Largo Glênio Peres, seguindo em marcha até o Palácio Piratini.

Veja Também

V

Venha para a luta!
08/11/2019

A

Afocefe convoca Assembleia Geral no dia 14 de novembro
08/11/2019

F

Fiscalização flagra carga de R$ 392 mil em cosméticos com documentação inidônea
07/11/2019