27/09/2019 - Em posse do Conselho Superior da Receita Estadual, subsecretário reforça posição defendida pelo Afocefe

 

O Afocefe Sindicato esteve presente na posse do Conselho Superior da Receita Estadual, realizado nesta quinta-feira, 19, na Secretaria da Fazenda.
O subsecretário da Receita Estadual e presidente do Conselho, Ricardo Neves Pereira, reforçou em seu pronunciamento que a perspectiva é de mudança radical nas atividades desenvolvidas pelo órgão. ‘’’A Receita Estadual não pode se omitir, deve ser protagonista e fazer as mudanças necessárias para buscar mais eficiência na administração tributária. A sociedade quer ver os resultados do nosso trabalho, só assim as carreiras poderão ser valorizadas’’, afirmou. ‘’Temos que ser parte da mudança, olhando para dentro para buscar mais eficiência e qualidade no desempenho de nossas atividades, caso contrário, a Receita Estadual vai sucumbir. Precisamos estar juntos neste processo de transformação’’, complementou.
Os dirigentes do Afocefe reforçaram ao subsecretário a importância da atuação da Receita Estadual, especialmente neste momento de grave e persistente crise financeira, para reverter este quadro. Apontaram novamente que uma fiscalização mais eficiente dos tributos estaduais, com trabalho integrado e equipamentos modernos, é o caminho para aumentar a arrecadação. ‘’Defendemos que a Secretaria da Fazenda deve ser protagonista na fiscalização de tributos e não apenas coadjuvante. A crise de receita se combate com eficiência da fiscalização, elevando a sensação de risco para os sonegadores para aumentar a arrecadação por meio da fiscalização e não do aumento da carga tributária, desmonte do serviço público e venda de patrimônio estadual’’, ressaltou o presidente do Afocefe, Carlos De Martini Duarte.

Veja Também

A

Afocefe reúne-se com Comandante Geral da Brigada Militar
14/10/2019

U

União Gaúcha analisa pacote de reformas do governo
14/10/2019

A

Auditor público externo junto ao Tribunal de Contas será painelista do seminário sobre Reforma da Previdência
14/10/2019